• LN

Porquê usar sutiã?

Se você é uma mulher com 28 anos ou mais provavelmente já percebeu uma mudança nos seus seios. É o efeito do envelhecimento da pele e da gravidade e ninguém pode se livrar dela. Mas você sabia que existem formas de retardar ou diminuir esse efeito? Um deles é simplesmente o hábito de usar sutiã.


Eu tenho seios grandes, visto nº46, e sempre gostei de usar sutiã apertado pra ficar bem segura durante o dia a dia. Pelo costume, acabava usando durante a noite também. O que me incomodava não era o sutiã, mas sim o seio pulando em todas as direções simplesmente pelo movimento de caminhar, o que chamava atenção de outras pessoas para essa região. Com o passar do tempo, o uso do sutiã se tornou um hábito e isso acabou retardando o aparecimento da flacidez causada pelo peso dos seios e os manteve bonitos por mais tempo.


Isso acontece porque o sutiã joga o peso dos seios para os ombros, fazendo com que o efeito da gravidade seja menor. Várias amigas minhas já me perguntaram se eu coloquei silicone ou se fiz alguma cirurgia estética nos seios, e minha resposta é: eu uso sutiã! Ninguém espera por essa resposta!


Uma das marcas de sutiã que eu mais gosto é a loungerie, os sutiãs da marca custam R$89+. É um investimento que vale muito a pena pois eles também costumam durar muito tempo e é certeza de segurar a petchola.


O sutiã foi patenteado nos Estados Unidos em 1914. A invenção servia como uma alternativa para acomodar o seio. Esta peça de roupa tornou-se uma aliada na busca da beleza, do conforto e da sedução, ele pode moldar, diminuir, esconder ou exibir o seio, dependendo do design escolhido.


Tudo começou com um gesto de rebeldia de uma jovem nova-iorquina que revoltou-secontra o espartilho de barbatana que apertava e marcava demais na roupa.Ela então fez uma espécie de porta-seios improvisado com dois lenços. Depois de confeccionar cópias para as amigas, resolveu comercializar a invenção. Mais interessada no sucesso de sua criação nas festas do que nas lojas, acabou por vender a patente por 1 550 dólares estadunidenses para a Warner Bros. Nos 30 anos seguintes, a empresa iria faturar 15 milhões de dólares estadunidenses com esta peça de roupa.


Há milênios, as mulheres vinham procurando uma matéria-prima para confeccionar algo que sustentasse os seios. Referências revelam que em 2000 a.C., na Ilha de Creta, elas usavam tiras de pano para modelá-los. Mais tarde, as gregas passaram a enrolá-los para que não balançassem. Já as romanas adotaram uma faixa para diminuí-los.


O espartilho surgiria na Renascença para encaixar a silhueta feminina no padrão estético imposto pela aristocracia. Por meio de cordões bem amarrados, ele apertava os seios a tal ponto que muitas desmaiavam. O sutiã apareceu para libertar a mulher daquela ditadura. Na década de 1920, os sutiãs compunham o estilo dito "garçonne" (termo francês que significa "menina moleque") e achatavam o busto.


Nos anos 1930, a silhueta feminina volta a ser valorizada. Surgem os bojos de enchimento e as estruturas de metal para aumentar os seios. Nos anos 1950, com o advento do nylon, as peças ficam mais sedutoras e conquistam as estrelas de Hollywood. Nos anos 1960, as feministas queimam em praça pública a peça, que consideravam símbolo da opressão masculina sobre as mulheres.


Fonte: wikipedia




1 visualização

Posts recentes

Ver tudo

Como ondular cabelos lisos?

Um sonho pra muitas meninas com cabelo liso é dar aquele efeito ondas Gisele Bundchen, será que é possível? Hoje existem milhares de produtos que prometem dar volume nos cabelos sem formar o frizz que

 

Formulário de Inscrição

  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn

©2020 por Universo Feminino Vip. Orgulhosamente criado com Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now